San Clement Palace Kempinski hotel – Ilha San Clemente – Veneza

Veneza é Veneza… certo?

A Cidade flutuante… Onde as ruas são feitas de água… onde ambulancias e carros de policia são barcos…

A Cidade que é visitada por milhões de pessoas todos os anos… tantas, tantas que é muito difícil achar paz e sossego..

Mas acredite… esse lugar existe em Veneza…

Não sei se voce sabe mas a lagoa de Veneza é povoada de pequenas ilhas de todos os tamanhos… sendo algumas propriedades privadas que não tem acesso publico.

Uma delas é a Ilha de San Clemente…

Fundada em 1131.. sim, voce leu certo… Através do tempo, a ilha mudou de dono e de finalidade.  Inicialmente foi um porto seguro para peregrinos que partiam de Roma para a Terra Santa…como a conexão com a fé Cristã era forte… A ilha foi nomeada em homenagem ao Papa Clemente I. Mais tarde, a ilha se tornou um hospital psiquiátrico,, que dizem as más línguas, hospedou a primeira mulher do Mussoline… Mais recentemente, se tornou um hotel 5 estrelas e desde 2016 passou a ser propriedade do grupo Kempinski.

O hotel é maravilhoso… na verdade um palácio com 190 quartos, espalhados por 3 andares de longos corredores e pés direitos altíssimos.

A decoração do hotel é luxuosa, respeitando belissímamente o estilo local, presente nas tapeçarias e lustres de Murano … elegante e surpreendentemente discreto.

Convidada para visitá-lo… meu aniversário de 10 anos de casamento me pareceu o momento perfeito.

Como o hotel está situado em uma ilha, o acesso se dá apenas de barco. Não há transporte publico disponível… logo as opções são ou taxi aquático ou o barco que o hotel disponibiliza para fazer o trajeto do hotel até a praça de San Marco a cada 30min. O hotel está aberto para visitas e uso dos seus restaurantes. Chegando bastante tarde, nós pegamos um taxi barco direto do aeroporto. Conveniente e rápido, na verdade o trajeto foi uma super aventtura… o barco voava pelas águas de Veneza, através de neblina… me senti como em um filme de James Bond.

 

Ao chegarmos no hotel fomos levados para a Venice Suite… Enorme e super luxuosa… a suite é um sonho de lugar para se hospedar.

 

Se Veneza não fosse Veneza… Eu te garanto que não sairia do quarto….Mas, nós tentamos aproveitar todos os segundos.

O café da manhã foi servido em um dos inúmeros pátios internos. A sala onde o buffet estava situado era enorme e tinha vários tipos de opção… Só omeletes, eu contei 6 tipos. Daí voce percebe o quanto foi difícil focar na dieta… uma vez na Italia… a vida é Bela… logo… dieta só na segunda!

Mas a propriedade merecia ser conhecida… como é uma ilha privada, a propriedade é circundada de jardins luxuriantes que te convidam para um passeio preguiçoso… A vista para a lagoa de Veneza é de tirar o folêgo… logo passamos uma boa parte da manhã…. apenas caminhando…

Um pouco antes do almoço, entramos no barco e fomos para San Marco… Veneza é linda mas logo a sua intensidade me deu um tapa na cara. Há tanta gente, mas tanta gente que é quase impossivel andar…

Não desejo em hipótese alguma te desencorajar de conhecer a cidade, mas é melhor voce saber o que esperar…. É tudo MUITOOOOO cheio…. logo, para fugir, decidimos fazer um passeio de gôndola…

Eu já havia visitado Veneza muitas vezes mas nunca havia andado de gôndola… Foi uma primeira vez e no meu aniversário de casamento… Romântico, não????


 

Escolhemos o maior percuso que durou mais ou menos 40 minutes. Foi pouco… flutuando através dos canais é se conhece a verdadeira Veneza… e é por isso que os habitantes locais circulam em sua maioria de barco….

Cada esquina e pátio é uma nova surpresa… pequenas passagens escondidas me fez refletir como teria sido essa Cidade há séculos atrás…. Tudo mudou mas ao mesmo tempo nada mudou… Talvez só vai fazer sentido para entender, se voce passear de gôndola também….Incrível, apesar de ter visitado varias vezes, essa foi a primeira vez que eu senti que conheci Veneza de verdade.

Como o tempo passa rápido quando a gente se diverte… o passeio acabou e nós decidimos voltar ao hotel… mas não antes de fazer um pit stop na sorveteria Suso.

Essa é uma dica de viagem… se for a Veneza, aproveite e prove o sorvete do Suso…. Fica há apenas 5 min a pé de San Marco … Todos os sabores me pareceram deliciosos.

Voltando para San Clemente… decidimos fazer nada mas bebericar um Spritz e aproveitar o por do sol…Que por do sol! O jardins do hotel são lindos e há um bar que fica virado para a lagoa…. um spritz atrás do outro… quando nos demos conta era hora do jantar.

E aí, onde ir jantar?? Voltar para Veneza ou comer no hotel????

Eu hesitei pois teria sido interessante ver a vida noturna de Veneza, mas a idéia da massa de gente nas ruas meio que me dissuadiu… O hotel é um paraíso que seria muita burrice largar tal lugar para disputar espaço em restaurante lotado, quando a minha opção era jantar a luz de vêlas olhando para as luzinhas de Veneza.

Foi a nossa melhor decisão… Jantamos maravilhosamente no restaurante L’Acquarello ! A comida estava espetacular.  Gastronômico… os pratos eram lindos mas também extremamente saborosos.

O dia foi movimentado… uma outra grande idéia foi ir domir cedo… afinal tínhamos que aproveitar a suite que era super confortável também… perdemos a hora de tal forma que quando acordei eram 10 da manhã de domingo.

Manhã preguiçosa… decidimos ficar até a hora do check out.

Uma grande amiga minha italiana veio almoçar conosco e quando nos demos conta era hora de deixar o hotel…

Eu só tenho que agradecer ao hotel Kempinski pela estadia maravilhosa.

Logo, se voce deseja visitar essa Cidade sem abrir mão de paz e tranquilidade e também cheio de glamour… o Kempinski San Clemente hotel é seu lugar a ir.

www.kempinski.com/en/venice/san-clemente-palace-kempinski/

xx Valentina

 

Ps: eu não testei o spa, mas visitei… me pareceu maravilhoso!